Connect with us

Economia

Produtores de queijo de Laranjeiras e Guarapuava criam associação

Published

on

Desde dezembro do ano passado um grupo de produtores de queijo e derivados de leite de Guarapuava e Laranjeiras do Sul vem se organizando para melhorar a qualidade dos seus produtos e buscar novos mercados. Com a orientação do IDR-Paraná, foi criada a Associação dos Produtores de Queijo e Derivados de Leite da Região Centro do Paraná (APROLEQ), que já conta com 24 associados.

Os integrantes da associação já lidavam com a produção de queijo há algum tempo. Mas foi a partir de uma capacitação, realizada no ano passado, que eles compreenderam a importância da regularização das agroindústrias e da força de uma instituição associativa.

O curso contou com a colaboração da Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento, Agência de Defesa Agropecuária do Paraná, Ministério da Agricultura e Pecuária, Unicentro, Universidade Federal da Fronteira Sul, Centro Estadual de Educação Profissional, Cresol e prefeituras.

Foram realizados oito módulos presenciais que abordaram todos os aspectos da cadeia produtiva do queijo. Os participantes do curso tiveram a oportunidade de aprender um pouco mais sobre a alimentação do rebanho, bem-estar animal, obtenção do leite de qualidade, regulamentação de agroindústrias, boas práticas de fabricação, organização rural e comercialização.

Segundo Daniela Ragazzon, do IDR-Paraná de Laranjeiras do Sul, o incentivo à organização dos produtores de forma associativa é uma das ações do instituto para melhorar a competitividade dos produtos da agricultura familiar. O Paraná é o segundo maior produtor de leite do País e a produção de queijos agrega valor para o produtor rural. Com as certificações adequadas, eles conseguem inclusive vender em outras regiões do Paraná e do Brasil.

“A criação da APROLEQ deve fomentar a produção de queijos e derivados de leite, incrementar o processo de inserção desses produtos no mercado, estimular o potencial turístico da mesorregião Centro, bem como formar representatividade para que os produtores tenham acesso a políticas públicas”, observou.

Até o fim deste mês deve ser feita a regularização documental da APROLEQ. Roberto Carlos de Oliveira, de Guarapuava, vai responder pela presidência da associação.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os direitos reservados © 2019 - MDO Produções